Segunda-feira, 1 de Dezembro de 2008
Sporting derrota Vit. Guimarães por 2-0.

 

:


CRÓNICA:
O Sporting venceu o Guimarães por 2-0, num jogo resolvido cedo e de forma eficaz pela equipa «leonina» ainda na primeira parte.

A entrada forte e pressionante dos «leões» na partida, querendo apagar a má imagem deixada ante o Barcelona, foi o tónico essencial para vencer um adversário incómodo e aguerrido.

Com muitas baixas por lesão, Pereirinha foi o escolhido para ocupar o lugar de defesa direito, ficando o sector recuado com Polga e Carriço no eixo e Grimi a lateral-esquerdo. No miolo, Veloso, Moutinho e Izmailov como interiores, e Romagnoli, voltando a dupla goleadora, Liedson e Postiga, para a frente de ataque.

No Guimarães, Cajuda abdicou de um ponta-de-lança fixo, deixando Desmarets como referência na frente, Marquinho e Nuno Assis, em apoio nos flancos. Surpresa na defensiva, com a estreia absoluta de júnior Vítor Bastos ao lado de Gregory e um meio campo musculado a cargo de Flávio Meireles, Wénio e João Alves.

Tantas vezes se fala da falta de eficácia que, desta feita, o Sporting teve um aproveitamento cem por cento das oportunidades. Em duas ocasiões, dois golos. Primeiro por Postiga, após excelente abertura de Moutinho, depois por intermédio de Liedson, na sequência de um grande passe de Romagnoli.

O Guimarães só reagiu aos 35 minutos, quando Marquinho apanhou a defesa «leonina» descompensada, mas atirou longe da baliza de Patrício.

No segundo tempo, a formação verde e branca apostou na gestão do resultado, sendo menos expedito a lançar o ataque, enquanto o Vitória procurava – com a entrada de Roberto – acercar-se com mais perigo do último reduto do Sporting.

Com poucas chances de golo, dois livres perigosos de Ronny, um remate cruzado de Izmailov e um golo não validado a Postiga, podiam ter dado uma vantagem mais gorda aos «leões», num jogo onde foram claramente superiores.

Uma vitória que mantém o Sporting na peugada da liderança, antes da deslocação ao terreno do Estrela da Amadora.

 

In: Sporting.pt


FICHA DE JOGO:
Sporting: Rui Patrício; Pereirinha, Polga, Daniel Carriço, Grimi (Ronny, 62 m), Miguel Veloso, João Moutinho, Izmailov, Romagnoli (Adrien, 86 m), Hélder Postiga e Liedson (Tiuí, 90+2 m).
Treinador: Paulo Bento.
Suplentes não utilizados: Tiago; Yannick Djaló, Pedro Mendes e Cédric Soares.
Disciplina: Cartão amarelo para Grimi (60 m).
Golos: Hélder Postiga (7 m) e Liedson (20 m).

V. Guimarães: Nilson; Andrezinho, Gregory, Vítor Bastos (Roberto, 45 m), Momha, Wénio, Flávio Meireles (Carlitos, 64 m), João Alves, Nuno Assis, Marquinho (Fajardo, 77 m) e Desmarets.
Treinador: Manuel Cajuda.
Suplentes não utilizados: Nuno Santos; Márcio, Jean Coral e Lionn.
Disciplina: Cartão amarelo para Mohma (6 m), Andrezinho (64 m) e Nuno Assis (80 m).

Golos: Nada a assinalar.
 

 

AVALIAÇÕES À PRESTAÇÃO DE ROMAGNOLI:
 


 

• Intermitente, assinale-se o sprint aos 21': não desistiu da bola e acabou por servir Liedson para o 2-0. - In Record

 

• Assistiu Liedson para o 2-0, com um cruzamento da esquerda que deixou a defesa vimaranense fora do lance. Generoso no processo defensivo, sobretudo no primeiro tempo, esteve mais perto do seu nível.  - In O Jogo

 

• Foi, provavelmente, quem imprimiu mais velocidade no início do jogo, mas também ele depois fez gestão quanto baste. À passagem do minuto 21 ganha velocidade nos pés junto ao flanco esquerdo, deixa tudo e todos para trás e direcciona a bola com muito açucar para os pés de Liedson fazerem o resto. O golo, pois claro.  - In A Bola



publicado por Filipa às 20:30
link do post | comentar | favorito