Quinta-feira, 28 de Agosto de 2008
Sporting de duas faces perde Troféu Santiago Bernabéu.

 



CRÓNICA:

 A visita do Sporting ao recinto do Real Madrid para disputar o troféu Santiago Barnabéu transformou-se num jogo com muitos golos (5-3, para os espanhóis), e onde os «leões» mostraram duas faces distintas.

Izmailov, Yannick e Miguel Veloso marcaram pelos «verdes e brancos».

Paulo Bento aproveitou o duro teste frente ao campeão espanhol para aquilatar do actual momento de alguns dos jogadores menos utilizados neste início de época, apostando, entre outros, na entrada dos brasileiros Pedro Silva e Ronny para as laterais, de Pereirinha e Miguel Veloso para o meio-campo e a entrega do ataque a Hélder Postiga e Rodrigo Tiuí.

 

O resultado foi que, após um primeiro quarto de hora muito equilibrado, o Real Madrid – sempre em 4x3x3 com transições defesa-ataque a um toque no triângulo do meio-campo até conseguir a superioridade numérica, no último terço do terreno, nos corredores laterais – fez três golos nos seus três primeiros remates: pelo argentino Higuaín, com dois remates de fino recorte, e por Robben, num remate rasteiro de fora da área, todos sem hipótese para Rui Patrício. Goleados pela eficácia espanhola, os jogadores «leoninos» partiram para a sua melhor fase na primeira parte, com Izmailov a reduzir (30 m), num remate de pé direito, rasteiro e cruzado, e criando mais duas oportunidades de perigo, mas uma grande penalidade «inventada» a Rochemback, concretizada pelo «eterno» Raul, quando o médio «leonino» tinha a bola em seu poder e se livrava da oposição e um autogolo de Pedro Silva, deixou o «score», ao intervalo nuns assustadores 5-1, desfavoráveis à equipa de Paulo Bento.

Na segunda parte, Paulo Bento colocou em campo Tiago, Abel, Tonel, João Moutinho, Yannick Djaló, ao intervalo, e Adrien, Romagnoli, depois, e tudo foi diferente. A equipa «verde e branca» – perante um adversário que fez igualmente nove alterações, numa oportunidade para todos procurarem «mostrar serviço» ao treinador merengue e encontrarem um espaço no «onze» madrilista – «pegou» no jogo e mostrou a sua qualidade colectiva, atitude competitiva e a razão pela qual além de várias taças domésticas, se qualificou, pela terceira vez consecutiva para a fase de grupos da próxima edição da Liga dos Campeões. Este crescimento materializou-se nos golos de Yannick, num «míssil» já dentro da área após assistência de Moutinho, e de Miguel Veloso, num livre directo, mas até deveriam ter sido mais, depois das oportunidades desperdiçadas por Postiga (83 e 86 m), Yannick (64 e 87 m), João Moutinho (63 m) e
Abel
(80 m).

Em suma, perdeu-se a oportunidade do Sporting ser o primeiro clube português a levantar o Troféu Santiago Barnabéu, mas este teste serviu para Paulo Bento tirar várias ilações relativas ao momento dos seus jogadores, entre os quais Izmailov, Yannick e Tonel, os melhores sportinguistas na noite de quarta-feira.


In: Sporting.pt



FICHA DE JOGO
Real Madrid: Dudek; Sérgio Ramos, Pepe, Metzelder e Marcelo; Gago, Guti e Van der Vaart; Higuaín, Robben e Raul.

Treinador: Bern Schuster.

Jogaram ainda: Codina, Torres, Cannavaro, Javi Garcia, De la Red, Drenthe, Van Nistelrooy, Diarra e Heinze.

Disciplina: cartão amarelo a Cannavaro (89 m).

Golos: Higuaín (15 e 23 m), Robben (18 m), Raul (39 m, g.p.) e Pedro Silva (42 m, na própria baliza).

Sporting: Rui Patrício; Pedro Silva, Polga, Caneira e Ronny; Miguel Veloso, Rochemback, Izmailov e Bruno Pereirinha; Hélder Postiga e Rodrigo Tiuí.

Treinador: Paulo Bento.

Jogaram ainda: Tiago, Abel, Tonel, João Moutinho, Yannick Djaló, Romagnoli e Adrien Silva.
Suplentes não utilizados: Vukcevic e Daniel Carriço.

Disciplina: cartões amarelos a Tonel (74 m) e Abel (86 m).

Golos: Izmailov (30 m), Yannick Djaló (73 m) e Miguel Veloso (90 m).

 

 
AVALIAÇÕES À PRESTAÇÃO DE ROMAGNOLI:
 



 • "Saltou do banco aos 60 minutos, a tempo de desenhar a jogada do segundo golo leonino, com acção individual sobre a esquerda, concluída com cruzamento para o coração da área."  - in Record


• "Criou alguns desequilíbrios quando efectuou movimentos de ruptura." - in O Jogo


• "Entrou bem e está na jogada do golo de Yannick."  - In A Bola



publicado por Filipa às 19:25
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De Izmailov7 a 29 de Agosto de 2008 às 12:23
Esta época vamos lutar pelo título até ao fim :D
Tem de ser! Somos verdadeiros campeões, agora só temos que mostrar isso em classificação!
Beijinho*


De Troféus a 23 de Setembro de 2009 às 17:03
Foi um jogo bem disputado, mas teremos mais sorte na próxima!


Comentar post