Segunda-feira, 10 de Março de 2008
Guimarães quase na Champions e o Inferno do Sporting continua.


CRÓNICA
:
O Sporting deslocou-se Guimarães, onde perdeu por 2-0. Os golos foram apontados no último minuto da primeira parte e no último minuto do segundo tempo.
Paulo Bento fez duas alterações no onze, relativamente ao encontro com o Bolton. Adrien, após paragem devido a lesão, ocupou o lugar de Miguel Veloso, enquanto que recuperou a titularidade, entrando para o meio-campo «leonino».

Na primeira parte, e até aos 35 minutos, o encontro não teve grandes motivos de interesse, sendo muito disputado no centro do terreno, mas sem que os jogadores de ambas as equipas conseguissem, com eficácia, fazer a transição para o ataque. Paulo Bento, aos seis minutos, foi obrigado a fazer a primeira substituição. Num lance com o guarda-redes vimaranense, Purovic lesionou-se e deu lugar a Tiuí. Os «leões» actuaram de forma muito compacta, impedindo que a equipa da casa conseguisse chegar com perigo à baliza defendida por Rui Patrício. No entanto, e nos últimos dez minutos, o ascendente pertenceu aos vimaranenses, que depois de algumas ocasiões, chegaram à vantagem. Mesmo em cima do apito do árbitro para o final da primeira parte, João Alves encarregou-se da marcação de um livre directo, Ghilas – em posição de fora de jogo – tem interferência no lance, porque obriga à saída dos postes de Rui Patrício, que defende a bola com um soco e Sereno, na recarga, desfez o nulo do marcador.

No segundo tempo, os pupilos de Paulo Bento entraram com outro fulgor e, com mais facilidade, conseguiram chegar à baliza contrária. Paulo Bento mexeu na equipa, tirando Adrien e fazendo entrar Pereirinha, «obrigando» Moutinho a recuar no terreno. Tal como aconteceu nos primeiros 45 minutos, a etapa complementar não foi fértil em ocasiões de golo. Mas, os «leões» podiam ter chegado ao empate por intermédio de Izmailov e de Vukcevic, mas valeram as intervenções de Andrezinho e de Nilson, respectivamente. Totalmente balanceada no ataque, a equipa do Sporting ficou reduzia a 10 elementos, por expulsão de Grimi, ao ver o segundo amarelo por travar Alan em falta. A infracção teve início fora da grande área «leonina» e ficam dúvidas de que o defesa-esquerdo tenha terminado a falta dentro da grande área «verde e branca». Lucílio Batista assinalou o castigo máximo, mas Rui Patrício negou o tento a Alan, defendendo a grande penalidade.

O Sporting ainda sonhava com o empate, mas o recém-entrado Fajardo, já no último minuto da partida, numa jogada de contra-ataque fez o segundo tento para a equipa da casa.

In: Sporting.pt


FICHA DE JOGO:
Vit. Guimarães: Nilson, Andrezinho, Sereno, Geromel, Momha, Flávio Meireles, João Alves (Fajardo, 89 m), Ghilas (Roberto, 83 m), Alan, Mrdakovic (Moreno, 75 m) e Desmarets.
Treinador: Manuel Cajuda.
Não utilizados: Nuno Santos, Luciano Amaral, Radanovic e Carlitos.
Disciplina: Cartão amarelo a Ghilas (56 m) e João Alves (68 m)
Golos: Sereno (45 m) e Fajardo (90 m)

Sporting: Rui Patrício, Abel (Miguel Veloso, 68 m), Tonel, Polga, Grimi, Adrien (Bruno Pereirinha, 56 m), Izmailov, João Moutinho, Romagnoli, Vukcevic e Purovic (Tiuí, 6 m).
Treinador: Paulo Bento.
Não utilizados: Stojkovic, Pedro Silva, Farnerud e Gladstone.
Disciplina: Cartão amarelo a Tonel (44 m), Grimi (62 m e 85 m), Abel (66 m) e Polga (88 m); Cartão vermelho a Grimi (85 m).


AVALIAÇÕES À PRESTAÇÃO DE ROMAGNOLI:



• "Na esteira de Izmailov, com a agravante de não ter conseguido disferir um remate. A dupla Flávio Meireles/João Alves não permitiu que o seu talento fosse capaz de sobressair para tentar marcar a diferença." - in Record.

• "Quando a bola lhe chegava ao pé, era dos poucos a fazerem frente à muralha vimaranense, imprimindo rapidez e alguma criatividade. Quase sempre mal secundado, viu o seu contributo cair por terra." - in O Jogo

• "Como sempre muito movimentado e batalhador, quer a defender, quer a tentar o ataque, o médio argentino foi dos poucos (muito poucos) a apresentar alguma consistência ao longo dos noventa minutos. Porém, todos os seus intentos terminaram sem sucesso." - in A Bola


publicado por Filipa às 20:51
link do post | comentar | favorito